Articles

Dicionário das Redes Sociais traduz 114 termos para o português e mais cinco línguas

In Defesa da Língua Portuguesa, Língua Portuguesa Internacional on 6 de Agosto de 2014 by ronsoar Tagged: , , , , ,

Do Centro de Terminologia da Catalunha (Barcelona, Espanha) e da Universidade Federal do Ceará (Fortaleza, Brasil)

.
Um dicionário digital inédito em seis línguas foi lançado na Internet, com 114 termos relacionados às redes sociais, em especial ao Facebook e ao Twitter.

O Vocabulário Panlatino das Redes Sociais (Vocabulari Panllatí de les Xarxes Socials, em catalão) foi criado com a ajuda de linguistas, terminólogos e tradutores de 11 universidades do Brasil, de Portugal, do Canadá, da Espanha, da Itália e do México.

A obra nasceu de uma ideia da Rede Panlatina de Terminologia (Realiter) e está à disposição do público no portal do Centro de Terminologia da Catalunha (Termcat).

Cada termo é traduzido em seis línguas românicas: catalão, espanhol (nas variantes da Europa e do México), francês, galego, italiano e português (nas variantes da Europa e do Brasil). Os termos aparecem com indicadores de categorias gramaticais correspondentes e também com versões na língua inglesa. As definições estão principalmente na língua catalã e há algumas delas em espanhol.

Os termos usados para compor o dicionário em linha foram baseados nos que compõem a Terminologia Básica das Redes Sociais e o Guia de Usos e Estilo das Redes Sociais, lançados pelo governo da comunidade autónoma espanhola da Catalunha.

O dicionário estará aberto para constantes atualizações e para inserção de termos novos utilizados no ambiente das redes sociais. No mesmo sítio da Web, os internautas podem sugerir novos termos e a equipa de investigadores valida as sugestões e realiza as traduções.

–– “Especialmente interessante para quem trabalha com tradução” ––
O professor Márcio Sales Santiago, do Programa de Pós-Graduação em Linguística da Universidade Federal do Ceará (de Fortaleza, nordeste do Brasil), participou na criação do dicionário colaborando com as traduções em Língua Portuguesa. “A obra é inédita, uma vez que não há dicionários sistematizados de forma científica sobre o tema das redes sociais”, disse.

Ele ainda destacou que o trabalho colaborativo durou cerca de um ano e meio e será útil para os públicos mais diversos, dos que trabalham nas áreas das Tecnologias da Informação até quem trabalha com tradução e elaboração de glossários e manuais.

“O público para quem se dirige este dicionário são as pessoas interessadas nas redes sociais, e isso pode ser especialmente interessante para quem trabalha com tradução, porque pode se valer deste instrumento, já que muitas vezes os termos ligados às redes sociais não são tão claros. Com a popularização da Internet, começamos a ter contato com uma ‘língua nova’. Assim, o dicionário poderá ajudar a elucidar o significado de alguns desses termos”, explica Márcio Sales Santiago.

O dicionário também ajudará no desenvolvimento das línguas neolatinas, porque cria opções para termos e expressões estrangeiras como timeline, selfie e profile, que são rapidamente disseminados por todo o mundo, deixando o vocabulário dos internautas repleto de estrangeirismos, notadamente do inglês.

O professor também salientou que a obra está a ter repercussão bastante positiva, com muitos acessos e transferências.

Participaram de sua elaboração, em trabalho coordenado pelo Termcat, investigadores da Universidade de Salamanca; do Serviço de Normalização Linguística, da Universidade de Santiago de Compostela (Espanha); do Centro de Estudos Galegos, da Universidade do Algarve (Portugal); do Office Québecois de la Langue Française (Canadá); da Universidade Católica do Sagrado Coração de Milão; da Universidade Parthenope de Nápoles (Itália); do Colegio de México (México); da Universidade do Vale do Rio dos Sinos; da Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul; e da Universidade Federal do Ceará (Brasil).  :::

.
Clique aqui para acessar o Vocabulário Panlatino das Redes Sociais, no sítio do Centro de Terminologia da Catalunha (Termcat).

.
–– Extraído do Centro de Terminologia da Catalunha (Barcelona, Espanha) e da Universidade Federal do Ceará (Fortaleza, Brasil) ––

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: