Articles

Festival do Fado em Buenos Aires

In Lusofonia e Diversidade, O Mundo de Língua Portuguesa on 28 de Maio de 2014 by ronsoar Tagged: , ,

Do Camões – Instituto da Cooperação e da Língua (Portugal)
21 de maio de 2014

.
O Festival do Fado realiza-se de 30 de maio a 1 de junho de 2014 na Usina del Arte, na capital argentina. A iniciativa é organizada pelo Camões, I.P., através da Embaixada da República Portuguesa na Argentina, e pelo Ministério da Cultura da Cidade Autónoma de Buenos Aires.

O programa inclui concertos dos mais destacados intérpretes do fado atual como Ana Moura, Carolina, Miguel Capucho e o guitarrista Ângelo Freire. Abrange ainda conferências, filmes, uma masterclass (ou aula magna) da guitarra portuguesa e a exposição A História do Fado.

Este é um evento cultural de homenagem à tradicional e célebre expressão musical portuguesa, tornado internacionalmente conhecido por sua intérprete maior: Amália Rodrigues (1920-1999). E que devido às suas características singulares, genuinamente preservadas até à atualidade, foi consagrada em 2011 como Património Imaterial da Humanidade pela UNESCO (Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura).

Foi também em 2011 que decorreu a primeira edição do Festival do Fado, em Madri, tornando-se, pelo êxito obtido, um evento de caráter anual na capital espanhola. Dois anos mais tarde, a iniciativa foi lançada na América do Sul, começando pelo Rio de Janeiro, Brasil.

Em 2014, o certame estreia-se na cosmopolita Buenos Aires, cidade também à beira-mar, que partilha com Lisboa os bairros de ruas estreitas, configurando ambientes que remetem para as origens do fado.

Fado e tango, em ambos a melancolia, Alfama e Caminito, duas cidades de vida marítima: o  Festival do Fado mostrará o quanto Lisboa e Buenos Aires têm em comum. 

Fado e tango, em ambos a melancolia, Alfama e Caminito, duas cidades de vida marítima: o
Festival do Fado mostrará o quanto Lisboa e Buenos Aires têm em comum.

 

A 30 de maio, o guitarrista Ângelo Freire dirige a aula magna durante a inauguração da exposição A História do Fado, promovida pelo Camões.

A par dos concertos, o programa do Festival do Fado contempla duas conferências: uma no dia 31 de maio, sobre “A História do Fado”, por Rui Vieira Nery, e outra em 1 de junho, intitulada “Amália Portuguesa e Universal”, a cargo de David Ferreira.

Nos mesmos dias, vão ser projetados os filmes documentários O Fado da Bia (2012), de Diogo Varela Silva, Fados (2007), de Carlos Saura e The Art of Amalia (2000), de Bruno de Almeida.

O Festival do Fado será, não por acaso, em um local do bairro de La Boca – com seu marcante casario colorido do Caminito, berço do tango portenho. Ali encontra-se a Usina del Arte, próximo à zona portuária da capital argentina.  :::

.
• Festival do Fado de Buenos Aires – Usina del Arte
Agustín Caffarena, 1 – La Boca – Buenos Aires, Argentina
<http://festivalfadobuenosaires.com/>

.
–– Extraído do Camões – Instituto da Cooperação e da Língua (Portugal) ––

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: