Archive for 5 de Outubro, 2013

Articles

Brasil: especialistas defendem o Português como segunda Língua para o turismo

In Defesa da Língua Portuguesa,Língua Portuguesa Internacional on 5 de Outubro de 2013 por ronsoar Tagged: , ,

Das Agências Lusa e EFE
1 de outubro de 2013

Especialistas no setor de turismo reunidos em São Paulo defendem o uso da Língua Portuguesa como a “segunda Língua” dos turistas estrangeiros.

.
A Língua Portuguesa poderia ser a segunda Língua para os turistas estrangeiros pelo potencial do Brasil nesse mercado, afirmaram no dia 30 de setembro, em São Paulo, vários especialistas que participaram da quarta edição do Congresso de Turismo Idiomático, realizado pela primeira vez no Brasil.

A diretora da Torre de Babel Idiomas, Susana Florissi, defendeu que, em matéria turística, o português é “uma segunda Língua” e que os brasileiros têm a “responsabilidade de ensinar um idioma e o orgulho de falar” sobre a cultura e a história do país.

“Precisamos nos mirar em países como Inglaterra, Espanha, França e Argentina, que reconhecem o poder econômico da sua língua”, afirmou Florissi durante o encontro, que decorreu até quarta-feira na universidade Fundação Armando Álvares Penteado, de São Paulo.

Neste sentido, a professora afirmou que o crescimento do Brasil como lugar para estudar português é gradual e sustentou que cada vez mais é necessário especializar os professores que ensinam a Língua nacional como um idioma de “orgulho e herança”.

Entre os temas principais do congresso, constou o crescimento do mercado de intercâmbio cultural através do português e do espanhol, considerados potenciais segundas Línguas para os estrangeiros, bem como a apresentação de instrumentos didáticos de ensino dos dois idiomas.

O presidente da Brazilian Educational and Language Travel Association (BELTA), Carlos Robles, lembrou que o turismo idiomático no Brasil cresceu após o português ter sido considerado pelo Ministério do Turismo local como uma Língua que promove o setor no país.

“Este congresso é um marco para o Brasil, pois poderemos discutir a união do turismo de idiomas e o ensino de línguas na tentativa de expandir ainda mais o português como uma Língua além da América Latina. Consideramos o português e o espanhol Línguas mundiais”, considerou.

Para os especialistas em turismo, os brasileiros têm a “responsabilidade de ensinar um idioma e o orgulho de falar” sobre sua cultura, pois as grandes nações de destino turístico “reconhecem o poder econômico da sua língua”, e a Língua Portuguesa é um idioma de “orgulho e herança”.
 

Outros programas também fortaleceram o intercâmbio entre visitantes brasileiros no exterior e visitantes estrangeiros no Brasil, como o Ciência Sem Fronteiras, do governo federal brasileiro, para promover o intercâmbio estudantil académico.

“As ações dos órgãos públicos e privados devem ajudar a valorizar os idiomas português e espanhol como recursos turísticos, económicos e culturais, com vista à afirmação de um espaço latino-americano”, sustentou o presidente da Associação de Centros de Idiomas da Argentina, Marcelo García, para quem o principal foco do congresso é o “desenvolvimento da indústria da Língua e da cultura”.

A diretora de relações internacionais de Fundação Armando Álvares Penteado, Lourdes Zilberberg, disse por seu lado que “o mundo necessita de cidadãos globais” e o intercâmbio de idiomas permite o intercâmbio de culturas e a manutenção dos aspectos regionais de cada país.

“Estamos vivendo em nossos países uma carência de lideranças, e precisamos de nações irmãs para a internacionalização. Por isso, o turismo idiomático é um segmento de encontro de culturas, e as escolas devem reforçar programas desse tipo”, defendeu.

O Congresso de Turismo Idiomático de São Paulo abordou temas sobre expansão das fronteiras idiomáticas, intercâmbio cultural, mobilidade estudantil e o fortalecimento económico através da Língua.  :::

.
–– Extraído das Agências Lusa e EFE ––

.
*              *              *

Leia também:
“Esta é a hora do português”: a Língua na rota da economia – 05 de dezembro de 2012
Brasil em alta impulsiona ensino de Língua Portuguesa no mundo – 13 de outubro de 2012
EUA: “A Língua Portuguesa é a pátria de milhões” – 07 de junho de 2012