Articles

O Ensino de Português em fase de “aperfeiçoamento” na China

In Defesa da Língua Portuguesa, Lusofonia e Diversidade, O Mundo de Língua Portuguesa on 11 de Julho de 2013 by ronsoar Tagged: , , , , , ,

Da Agência Lusa
8 de julho de 2013

A Região Administrativa Especial de Macau pretende ser o grande polo de Ensino da Língua Portuguesa na China e ponto de encontro das relações económicas, comerciais e culturais entre a China e os países de Língua Portuguesa.
 

Zhao Hong Ling, professora da Universidade de Línguas Estrangeiras de Pequim, defendeu hoje que o Ensino de Português está em “aperfeiçoamento” na China, e que, nesta fase, é preciso apostar na formação dos docentes e materiais didáticos.

“O Ensino da Língua Portuguesa na China encontra-se numa fase entre a generalização e o aperfeiçoamento; entre o que ensinar e como ensinar”, disse Zhao Hong Ling em Macau na abertura do segundo Fórum Internacional de Ensino da Língua Portuguesa na China, a decorrer até sexta-feira [dia 12 de julho] no Instituto Politécnico de Macau (IPM).

Para a académica, “é mais importante o amadurecimento do ensino do que criar mais [cursos de Língua Portuguesa] nas universidades” chinesas, defendeu à margem do fórum, que também integra um curso de formação em pedagogia.

Ao abordar as necessidades do Ensino de Português na China, Zhao Hong Ling referiu que “o corpo docente é muito jovem e precisa atualizar os seus conhecimentos. Só quando temos bons professores é que podemos formar melhores alunos.”

Por outro lado, apontou a falta de materiais didáticos: “É um problema que encontramos há muito tempo. Está a melhorar, mas precisamos de reforçar muito, no sentido de produzir mais materiais didáticos, convenientes e adequados aos alunos chineses.”

“Os professores estão dispersos a trabalhar em cada universidade e não temos ainda um organismo onde podemos reunir e discutir e fazer um programa, e nesse âmbito fazer manuais”, salientou.

A académica indicou, todavia, que “é difícil fazer um programa comum para toda a China, porque o objetivo também varia de universidade para universidade”.

“Eu bem sei que outras línguas têm um programa comum para toda a China – como, por exemplo, o espanhol na Universidade de Línguas Estrangeiras de Pequim – e assim é mais fácil fazer uma avaliação dos alunos”, refletiu.

O desenvolvimento das relações económicas e comerciais entre a China e os países de Língua Portuguesa, nomeadamente Angola, vocacionam as necessidades de Pequim de falantes de português para a economia e o comércio, embora as universidades chinesas também formem pessoal para os ministérios e para a função pública, observou a académica.

“Nesse sentido, também temos de ver o mercado e adaptar um pouco o nosso programa”, concluiu.

Entre os dias 8 e 12 de julho, ocorre o II Fórum Internacional de Ensino da Língua Portuguesa na China, no Instituto Politécnico de Macau: em busca do “amadurecimento do Ensino” de Português nas universidades chinesas.
 

–– O Fórum de Ensino da Língua Portuguesa em Macau ––
Organizados pelo IPM, o II Fórum Internacional de Ensino da Língua Portuguesa na China e o Curso de Formação em Pedagogia de Ensino de Português Língua Estrangeira contam com cerca de 70 participantes, incluindo 45 profissionais de 20 universidades chinesas e os restantes das instituições de ensino superior e direção dos Serviços de Educação de Macau.

Lei Heong Iok declarou que, até ao ano letivo 2014-2015, cursos de Língua Portuguesa estarão presentes em 32 universidades de quase todas as regiões da China.
 

–– Ensino de Português na China expande-se em “explosão nuclear” ––
Ao concordar com Zhao Hong Ling, o presidente do Instituto Politécnico de Macau, Lei Heong Iok, sublinhou: “Realmente faltam materiais. E quase todos os participantes [no fórum] têm menos de 30 anos, o que significa falta de experiência. Precisam, por exemplo, de frequentar mais cursos de mestrado e até de doutoramento.”

Por outro lado, salientou o contributo que o Centro Pedagógico e Científico de Língua Portuguesa, em desenvolvimento desde o ano passado pelo IPM, pode dar tanto na formação como nos materiais audiovisuais, incluindo através de plataformas online [em linha].

As duas primeiras licenciaturas de português na China surgiram na década de 1960. Entretanto, segundo referiu hoje Lei Heong Iok, “até ao ano letivo 2014-2015, pelo menos 32 universidades chinesas tinham criado ou vão criar o curso de Língua Portuguesa em quase todas as regiões do país”.

“Sem dúvida, já não podemos usar o termo ‘expansão’ para qualificar esta ascensão inesperada da ‘Língua de Camões’ na China, mas sim termos como ‘erupção vulcânica’ ou ‘explosão nuclear'”, ilustrou.  :::

.
–– Extraído da Agência Lusa ––

*              *              *

Leia também:
Deputada Melinda Chan defende educação bilingue português-chinês em Macau – 06 de julho de 2013
Rita Santos: “Macau pode ser a porta de entrada da Lusofonia para a China” – 30 de abril de 2013
Deputados defendem estímulo ao Ensino de Português em Macau – 23 de abril de 2013
Macau pode ser centro irradiador da Língua Portuguesa na Ásia – 12 de abril de 2013

Uma resposta to “O Ensino de Português em fase de “aperfeiçoamento” na China”

  1.              Vez que outra, surgem essas notícias sobre o grande interesse que há na China pelo aprendizado da língua Portuguesa.              Entretanto, me pergunto se tal interesse não estaria aquém – e, talvez, até bem aquém -, daquele que os chineses efetivamente têm pelo aprendizado do Espanhol, do Francês, do Alemão e talvez até do Italiano ! Sem se falar, é claro, do Inglês, cujo interesse por seu aprendizado, em qualquer país não-anglófono do mundo, é muito grande e “incontornável”.              No cenário mundial, a conciência da importância do Português, enfim, a visibilidade de nossa língua – não nos iludamos -, ainda são pequenas: rumo a sua real afirmação, nesse cenário, considero que ainda falta-lhe percorrer um certo caminho que as outras línguas ditas “universais” ou de “maior prestígio” já percorreram.

    Abrs., P. Kaul

    ________________________________

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: