Articles

Google lança projeto de defesa das línguas ameaçadas de extinção

In Lusofonia e Diversidade on 23 de Junho de 2012 by ronsoar Tagged: , , ,

Extraído do Google e do jornal Público (Portugal)
21 de junho de 2012

O Google criou um projeto de estudo e defesa de línguas em risco de extinção ao redor do mundo.


Em 2100, o mundo pode ter perdido metade do número das línguas que tem hoje. Para que tal não aconteça, o Google lançou um sítio destinado à preservação dos idiomas em vias de extinção que permite aos utilizadores a partilha de informação e conhecimento.

“Das 7 mil línguas faladas atualmente, espera-se que 50% não sobrevivam até ao final do século”, ouve-se no vídeo de apresentação do novo projeto da Google. “O desaparecimento de um idioma significa a perda de informações culturais e científicas valiosas e pode ser comparado ao desaparecimento de espécies.”

Por isso, o lançamento do sítio Idiomas em Risco foi anunciado esta quarta-feira pela empresa. Apoiado pela coligação com a Aliança para a Diversidade Linguística – organização voltada ao estudo das línguas ameaçadas –, o objetivo é “preservar a diversidade cultural, homenagear o conhecimento dos antepassados e transmiti-lo às novas gerações”, afirmou a Google.

Através de um mapa interativo, os visitantes podem navegar pelas 3.054 línguas em vias de extinção documentadas no sítio e conhecer o seu nível de perigo.

Placa da freguesia de Duas Igrejas, em Trás-os-Montes, escrita em português e em mirandês – uma das línguas em risco, segundo o projeto.


.

Os utilizadores podem ainda carregar e partilhar informação atualizada sobre alguns dos idiomas em perigo, assim como amostras em áudio ou vídeo. “A tecnologia pode apoiar estes esforços, ajudando as pessoas a criar registos de alta qualidade dos mais velhos, muitas vezes os últimos falantes de sua língua”, escreveram os gestores do projeto, Clara Rivera Rodríguez e Jason Rissman, no blogue oficial da empresa.

.
.

Alguns estudos sobre as línguas mais ameaçadas estão já a ser partilhados no novo sítio pelo Catálogo de Idiomas em Risco, liderado pelas equipas de duas universidades norte-americanas: a da Universidade do Havaí em Manoa e a da Universidade do Leste de Michigan, contando com o financiamento da Fundação Nacional da Ciência (órgão do governo dos EUA).

A longo prazo, a empresa pretende entregar a liderança do projeto a especialistas no campo da preservação linguística que podem tirar partido desta tecnologia. “Iremos entregá-lo oficialmente ao Conselho Cultural dos Primeiros Povos [sigla em inglês, FPCC] e ao Instituto para Tecnologia e Informação das Línguas [A Lista do Linguista] da Universidade do Leste do Michigan”, revelaram os gestores do projeto.

O serviço Idiomas em Risco pode ser acessado, em língua portuguesa, através do endereço <www.endangeredlanguages.com>.

Situação das línguas ameaçadas na Lusofonia

Índios do povo Xavante; segundo o projeto, o Brasil tem 128 línguas indígenas ameaçadas.

Em Portugal, foi dado o alerta laranja para a Língua Gestual Portuguesa e para o mirandês, correspon-dendo a línguas em perigo.

A situação das línguas ameaçadas é mais séria no Brasil, onde estão catalogadas 128 línguas sob ameaça, sobretudo de povos indígenas – a grande maioria delas na Amazônia e no Centro-Oeste do país.

Em Angola, duas línguas no interior do país aparecem como línguas sob ameaça, e na Guiné-Bissau estão listadas três línguas. Em Timor-Leste, há sete línguas no catálogo do Google. O crioulo português de Malaca (Malásia) recebeu o alerta laranja de risco, e ao patuá de Macau (China) foi dado o alerta vermelho, de língua em sério risco de extinção.

.
.
— Extraído do Google e do jornal Público (Portugal) —

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: