Articles

I Encontro de Jovens Líderes da CPLP no Aveiro

In Lusofonia e Diversidade, O Mundo de Língua Portuguesa on 21 de Junho de 2012 by ronsoar Tagged: , , ,

.

Entre 22 e 24 de junho, a Universidade de Aveiro recebe o I Encontro de Jovens Líderes da Comunidade dos Países de Língua Portuguesa, que reúne líderes juvenis, trabalhadores na área da juventude e autoridades locais para partilharem experiências e debater sobre o desen-volvimento de uma nova cultura de participação juvenil no espaço da Lusofonia.

.

Juntará durante três dias 40 representantes da juventude lusófona das diásporas lusófonas, para encontrarem novas formas de envolver os jovens de forma ativa na definição de políticas comunitárias.

O encontro visa também fortalecer as redes de cooperação lusófona entre associações juvenis na diáspora portuguesa através da educação não formal e de novas metodologias para a educação formal. Tal cooperação será de grande importância para a promoção e a preservação dos valores interculturais próprios da Lusofonia.

O evento terá como sede o Auditório da Associação Académica da Universidade de Aveiro.

 

Os eixos temáticos dos debates serão: cultura e diálogo intercultural; migrações, mobilidade e codesen-volvimento; emprego e empreende-dorismo; educação e internaciona-lização profissional; impulso às políticas juvenis e cidadania ativa; e planos para a Lusofonia e a Juventude para 2020.

O resultado dos debates será posteriormente apresentado no formato de uma Carta da Juven-tude da CPLP.

Promovido no âmbito do Festival Jovem da Lusofonia, o encontro contará na sessão de encerramento com a presença do secretário de Estado português do Desporto e Juventude, dr. Alexandre Mestre.

O evento é promovido pela Associação IUNA – Implementar Uma Nova Atitude Social. Será realizado no Auditório da Associação Académica da Universidade de Aveiro.

“Sou um cidadão lusófono”
José Alexandre Ferramenta é o rosto da organização do Festival Jovem da Lusofonia e caracteriza-se por ser um “cidadão lusófono”. Ele é filho de pai moçambicano, mãe cabo-verdiana, nascido em Portugal e professor de capoeira, arte marcial que une Brasil e Angola. “Desde muito cedo, verifiquei que era uma pessoa diversa em componentes culturais e em permanente debate vivo sobre as minhas origens.”

Por isso, ele assim responde quando lhe perguntam a sua origem: “Prefiro intitular-me cidadão lusófono ou um cidadão da língua portuguesa, porque me considero um pouco de cada uma das culturas que evidencio no meu interior.”

.

Eventos para a Lusofonia neste verão em Portugal (02/06/2012)
Aqui, mais detalhes sobre o Festival Jovem da Lusofonia.

(Postado por Ronaldo Santos Soares.)
— Do sítio do ‘Diário do Aveiro’ e do ACIDI – Alto Comissariado para a Imigração e Diálogo Intercultural (Portugal) —

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: